Você conhece a Lptennis?

Automatize completamente seus rankings, torneios, barragens e faça gestão de aulas, locações, agenda de quadras e financeiro de maneira prática e rápida. Os jogadores tem uma rede social exclusiva do tênis e possuem painel de desempenho, H2H e histórico de jogos.


Os Tenistas apaixonados

Nada melhor do que praticar seu esporte preferido ao lado da pessoa que ama. Fazer algo fora da rotina e que faça bem para o corpo e mente é extremamente saudável.

Histórias de amor entre tenistas transcenderam as quadras e foram retratadas até nas telonas com o filme Wimbledon – o jogo do amor, de 2004, estrelado por Paul Bettany e Kirsten Dunst. No longa, Peter Colt (Paul Bettany) é um tenista que ocupa uma posição bastante baixa no ranking mundial de tenistas. Sem possuir ranking suficiente para participar do torneio de Wimbledon, ele recebe um convite dos organizadores para que possa disputar aquela que pode ser a última competição de sua carreira. Porém, após se apaixonar por Lizzie Bradbury (Kirsten Dunst), a mais nova estrela do tênis feminino, Colt ganha novo fôlego para disputar o título da competição.

E como conta a história do filme, é comum a formação de relacionamentos entre tenistas que se conhecem melhor durante a disputa torneios e engatam romances. A rotina de viagens e meses longe de casa é um ponto em comum entre os casais de tenistas, o que pode ser um ponto a favor do relacionamento.

Veja alguns casais de tenistas que deram (e dão) o que falar.

Andre Agassi e Steffi Graf

Talvez o mais emblemático (e vitorioso) casal de tenistas. Em sua autobiografia, Agassi revela que admirava a tenista alemã procurava se inteirar de seu cronograma de torneios e treinamentos. Certa vez até combinou com seu treinador de bater uma bola com ela e tentou impressioná-la fazendo o melhor possível.

A história dos dois começou a ser escrita em 1999, com a vitória de ambos em Roland Garros (último Slam conquistado por Graff e o único que faltava na estante de Agassi) e o iminente e tradicional jantar de comemoração no qual os campeões do torneio masculino e feminino. O tal encontro poderia ter ocorrido em 1992, quando os dois ganharam Wimbledon, porém o jantar de comemoração foi cancelado, para desespero do tenista norte-americano. "Não sabia nada sobre o Andre antes do baile. Paris nos apresentou e ajudou a nos conhecermos melhor. No fim de contas percebemos que tínhamos muito em comum", contou Graf. Após o jantar, encorajado pelo seu então treinador Brad Gilbert, Agassi enviou uma cordial mensagem para Graff a convidando para um almoço ou um jantar, e a partir daí a relação só decolou.

O casamento aconteceu e 2001 e hoje o casal tem dois filhos. Juntos somam 30 títulos de Grand Slam, imaginem só o tamanho da sala de troféus da casa deles.

Mirka e Roger Federer

Poucos sabem, mas "Mirka" Federer já foi tenista profissional. Com um currículo modesto de três títulos ITF (o equivalente ao Challenger no masculino), a tenista teve a posição de número 76 como a melhor da carreira. O encontro com o suíço ocorreu durante a disputa das Olimpíadas de Sydney, em 2000. Devido a uma lesão no tendão de Aquiles, encerrou precocemente a carreira, se dedicando a cuidar da relação com a imprensa do então namorado.

Mirka e Roger casaram-se em Basel, em 11 de abril de 2009, depois de cerca de oito anos de noivado e um mês depois de anunciarem que Mirka estava grávida. Em 23 de julho, Mirka deu à luz as gêmeas Charlene Riva e Myla Rose. Tiveram mais dois filhos gêmeos, Lenny e Leo, nascidos em 6 de maio de 2014.

Fábio Fognini e Flávia Pennetta

Fognini é conhecido pelo seu talento nas quadras e também pelo seu temperamento explosivo, que lhe rende derrotas inesperadas e acessos de fúria durante os torneios. Com um perfil assim não é de se estranhar que o romance com Pennetta tenha iniciado de forma inusitada, em 2015: sem que o italiano tivesse avisado sua ex-namorada na época, a búlgara Svetlana Simeonova. “Tudo acabou sem uma razão. Ele nem sequer teve a coragem de me ligar para dizer que tudo estava acabado. Eu e Flavia éramos amigas, saíamos juntos para jantar, ela com seu ex-namorado. Fiquei muito mal. Melhor que me deixou agora e não depois. Ele falava em ter família e filhos”, contou Simeonova ao jornal Corierre della Sera. A búlgara namorou com o italiano por quatro anos.

Em 2016 os tenistas se casaram em uma discreta cerimônia na Itália e em 2017, Penetta deu à luz ao primeiro filho do casal.

E por falar na tenista, ela também tem no seu histórico amoroso um relacionamento com outro tenista. Trata-se do espanhol Carlos Moyá, no qual a italiana declara em sua autobiografia que era “obcecada” e atravessou por um período difícil quando descobriu a traição do espanhol com uma apresentadora de TV.

Stan Wawrinka e Donna Vekic

Talvez este seja o casal mais discreto da lista. Muito se deve a polêmica causada pelo australiano Nick Kyrgios em uma partida contra o suíço. Na ocasião, em uma das trocas de lado, Kyrgios afirmou contundentemente que seu amigo Thanasi Kokkinakis tinha um caso com Donna. O fato rendeu críticas ao australiano, que recebeu uma punição da ATP e posteriormente foi a público se desculpar.

Polêmicas à parte, o relacionamento entre a croata e o suíço foi apontado como motivo da separação entre Stan e a ex-modelo e apresentadora Ilham Vuilloud, com quem o suíço tem uma filha. Em julho de 2014 a croata, onze anos mais nova, começou a frequentar o box do suíço durante os torneios, o que causou alvoroço da mídia e a ira da ex-mulher, que acusava o suíço de traição.

Thiago Monteiro e Bia Haddad Maia

O tênis brasileiro também aparece representado nessa lista. Trata-se do “casal” top 100, Thiago Monteiro de 22 anos e Bia Haddad de 20. Se conhecem desde os tempos de juvenil, quando treinavam na Academia Larri Passos, em Florianópolis. A rotina atribulada não permite que o casal passe muito tempo junto, fator esse que é amenizado com a ajuda de redes sociais.

“A gente tenta ficar muito focado no torneio, somos muito tranquilos. A nossa vida de tenista, desde pequenos, foi assim. Às vezes, a gente fala no Skype, mas é mais Whatsapp e telefone. É muito louco, como a nossa equipe é quase a mesma, eu me sinto em casa mesmo quando ele não está lá. Claro, ficar longe nunca é bom, mas é um momento muito especial, quantas pessoas não queriam estar aqui? O tênis foi onde a gente se conheceu, espero que esses anos sejam muito bons - contou a paulista.

Curiosidades

O título de galã do tênis vai para o tcheco Radek Stepanek. O tcheco é conhecido por namorar amigas de profissão, um verdadeiro conquistador da modalidade. Seu primeiro relacionamento foi com ex-número um Martina Hingis. Eles se conheceram ainda nos tempos de juvenil e mantiveram a relação por algum tempo. Após o término com a suíça, Stepanek se casou com a tcheca Nicole Vadisova, tenista que atingiu o top 100 com apenas 18 anos. O casamento durou cerca de três anos. O último relacionamento do nosso galã foi com a compatriota Petra Kvitova.

Grigor Dimitrov certa vez foi chamado por Novak Djokovic de “o tenista mais boa pinta do circuito” e não é por menos. Entre suas conquistas amorosas estão duas ex-número um do mundo: a americana Serena Williams e a russa Maria Sharapova. Em ambos relacionamentos o búlgaro foi acusado de não se importar e, pior, de traição. Rumores dizem que uma modelo búlgara foi a pivô da separação dele e de Sharapova.

Fernando Verdasco é conhecido pelo seu estilo bon vivant fora das quadras. Em suas redes sociais faz questão de publicar fotos em lugares paradisíacos e de eventos da alta sociedade. Entre suas conquistas amorosas estão duas ex-tenistas consideradas musas do tênis. A sérvia Ana Ivanovic e a argentina Gisela Dulko. O relacionamento com Ivanovic, que durou alguns meses, era um dos mais badalados do mundo do esporte. Rumores dão conta de que o espanhol também teria se envolvido com as tenistas Caroline Woznicaki e Laura Robson.

Outros casais de tenistas (que terminaram) e merecem menção:

  • Nick Kyrgios e Alja Tomljanovic
  • Dominika Cibulkova e Gael Monfils
  • Lleyton Hewitt e Kim Clijsters

E para você qual seu casal preferido? Conta para a gente nos comentários

Nill Cavalcante

Relações públicas e especialista em mídias sociais e corresponsável pelo blog da Lptennis. Seu sonho é parar de perder pontos por foot fault e sair da quadra com a mesma calma que entrou

São Paulo, Brazil http://Lptennis.com

Você conhece a Lptennis.com?


Automatize completamente seus rankings, torneios, barragens e faça gestão de aulas, locações, agenda de quadras e financeiro de maneira prática e rápida. Os jogadores tem uma rede social exclusiva do tênis e possuem painel de desempenho, H2H e histórico de jogos.

Saiba mais em Lptennis.com




Inscreva-se no Blog da Lptennis.com

Receba nossos artigos e atualizações diretamente no seu e-mail.

ou inscreva-se via RSS com o Feedly!