Você conhece a Lptennis?

Automatize completamente seus rankings, torneios, barragens e faça gestão de aulas, locações, agenda de quadras e financeiro de maneira prática e rápida. Os jogadores tem uma rede social exclusiva do tênis e possuem painel de desempenho, H2H e histórico de jogos.


As promessas do tênis

Ter uma carreira de sucesso no juvenil não é garantia de trilhar o caminho das vitórias no profissional. São vários exemplos de tenistas que não conseguiram êxito após se profissionalizarem e começar a jogarem torneios maiores. Aqui se propõe uma análise dos campeões de Grand Slam juvenis em 2017 e alguns destaques com até 18 anos. Será que eles seguirão caminhos semelhantes aos de Stefan Edberg (conquistou os 4 títulos de Grand Slam juvenil em 1983), Roger Fededer e Andy Roddick, tenistas que alcançaram o topo do ranking? Só o tempo poderá dizer.

Denis Shapovalov

O canadense Denis Shapovalov, mais conhecido por sua desclassificação na Copa Davis (veja aqui) foi campeão do tradicional torneio juvenil de Wimbledon em 2016. O canhoto já colecionou vitórias contra Nick Kyrgios, Tomas Berdych, Juan Martin Del Potro e mais recentemente sobre Rafael Nadal e Jo-Wilfried Tsonga, no Masters 1000 de Montreal e no US Open respectivamente.

Shapovalov já é o número 52 do ranking mundial e tudo indica que terminará ano em uma posição bem acima dessa.

Casper Ruud

O jovem norueguês tem o tênis no sangue. Seu pai, Christian, é um ex-tenista profissional que alcançou o número 39 do ranking, disputando uma final de ATP. Seu maior feito na carreira, no entanto, foi derrotar o brasileiro Gustavo Kuerten. Casper surpreendeu o mundo do tênis ao alcançar as semi-finais do ATP 500 do Rio, após um convite da organização do torneio. Na semi, contra o espanhol Carreno Busta, teve um match point. Fã de Rafael Nadal, o norueguês ainda busca se firmar entre os profissionais e conquistar resultados mais consistentes.

Zsombor Piros

O húngaro de 17 anos ocupa atualmente a quarta colocação do ranking juvenil e foi o campeão deste ano do Australian Open. Começou a jogar tênis aos cinco anos de idade e seu jogo mescla potentes golpes de base com boas chegadas a rede. Ainda tem mais um ano de juvenil antes de se aventurar no circuito profissional.

Alexei Popyrin

No último ano no juvenil, o australiano Popyrin faturou o título em Roland Garros e ocupa atualmente a terceira posição no ranking juvenil. No alto dos seus 1,96m, seu estilo lembra muito o de sacadores como Nick Kyrgios e Milos Raonic

Alejandro Davidovich Fokina

O tenista espanhol é o atual vice-líder do ranking juvenil. Em um ano com ótimos resultados, faturou o torneio de Wimbledon. Adepto da escola espanhola, gosta de trocar bolas no fundo de quadra e tem o contra-ataque como sua principal arma. É um perfil promissor para ingressar no tênis profissional.

Confira o post realizado pelo site TenisBrasil sobre o espanhol e outras promessas clicando aqui.

Miomir Kecmanović

O servo é o atual líder do ranking juvenil e já começou a se aventurar nos profissionais, com direito a título no future de Sunrise, na Flórida e semi-finais no Challenger de San Luis Potosi, no México, ganhando de jogadores melhores ranqueados. Recebeu convite para a disputa do qualifying do Masters de Miami e parou na rodada decisiva. O garoto de 18 anos é uma das apostas para suceder o multi-campeão Novak Djokovic.

Qual dessas promessas vai realmente vingar? Faltou alguma promessa aqui? Deixe seu comentário!

Nill Cavalcante

Relações públicas e especialista em mídias sociais e corresponsável pelo blog da Lptennis. Seu sonho é parar de perder pontos por foot fault e sair da quadra com a mesma calma que entrou

São Paulo, Brazil http://Lptennis.com

Você conhece a Lptennis.com?


Automatize completamente seus rankings, torneios, barragens e faça gestão de aulas, locações, agenda de quadras e financeiro de maneira prática e rápida. Os jogadores tem uma rede social exclusiva do tênis e possuem painel de desempenho, H2H e histórico de jogos.

Saiba mais em Lptennis.com




Inscreva-se no Blog da Lptennis.com

Receba nossos artigos e atualizações diretamente no seu e-mail.

ou inscreva-se via RSS com o Feedly!